WMG - Walterianos Moto Grupo

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Ducati apresenta a Hyperstrada

Apenas alguns poucos itens diferenciam da Hyperstrada da Hypermotard
Apenas alguns poucos itens diferenciam a Hyperstrada da Hypermotard
.
No final de 2008 a Ducati anunciou a chegada da Hypermotard – e pouco depois apresentaria a Multristrada – e desde então, a motocicleta vem sendo um sucesso de vendas nos países onde é comercializada e diante dos bons resultados, a marca italiana decidiu aplicar boa parte desta receita vencedora na criação de um novo produto. E foi assim que nasceu a Hyperstrada.
.
Aliás, no começo deste ano a marca de Borgo-Panigale apresentou a Hypermotard 2013 – e até criou um vídeo com a estrela Nicky Hayden para pilotar a sua nova criação – e agora, tira do forno uma novidade que promete despertar o interesse de quem procura por uma motocicleta com vocação estradeira, confortável, potente e repleta de tecnologia.
.
A Hyperstrada apresenta as mesmas características mecânicas, ciclísticas e eletrônicas que sua coirmã, ou seja, motor bicilíndrico de 821 cm3 alimentado por injeção eletrônica, chassi treliçado e controle de tração, mas difere-se desta por alguns detalhes, como cavalete central, para-brisas maior, guidão mais alto com protetores de mão e pequenas malas laterais.
.
O motor é o Testastretta de 821cm3, que gera 110 cv
O O motor é o Testastretta de 821cm3, que gera 110 cv
Falando no motor, este é o bicilíndrico Testastretta V-Twin, com inclinação de 11o. entre os cilindros, 4V, refrigerado a líquido, capaz de desenvolver 110cv e torque de 9,1 kgf.m. Graças à sua ECU de última geração, oferece oito modos de controle de tração, além de três modos de entrega da potência (Sport, Touring e Urban). As duas primeiras oferecem a utilização de toda a potência do motor, mas com diferentes condições de resposta do acelerador, do controle de tração e do ABS. No modo Urban você tem apenas 75cv disponíveis, máxima intervenção do controle de tração e do ABS.
.
Chassi treliçado: uma marca da Ducati
Chassi treliçado: uma marca da Ducati
Como citado, o chassi é em formato treliça, formado por tubos de aço soldados, com subframe formado por uma mistura de metais e polímeros moldados e balança monobraço moldada. A suspensão dianteira apresenta um garfo invertido de 43 mm de diâmetro (não ajustável) fabricado pela Kayaba, enquanto que atrás há um monoamortecedor Sachs regulável em pré-carga e retorno. Seu peso seco é de 181 kg, somentes seis quilos mais pesada que a Hypermotard standard.
.
Freios Brambo com discos dianteiros de 320 mm
Freios Brembo com discos dianteiros de 320 mm
Os freios são da Brembo, com discos duplos de 320 mm, mordidos por pinças monobloco M4-32, com pastilhas sinterizadas. O sistema anti-blocante é de última geração fabricado pela Bosch, modelo 9MP, que pesa apenas 800 gramas.
.
Tomadas 12V estão presentes na motocicleta
Tomadas 12V estão presentes na motocicleta
Existem duas tomadas 12V para conexão de equipamentos elétricos e eletrônicos na motocicleta: uma está localizada no lado esquerdo do motor, enquanto que a outra, junto ao reservatório de nitrogênio do amortecedor traseiro. Manoplas aquecidas são opcionais nesta motocicleta.
.
Na Hyperstrada, o assento é mais confortável
Na Hyperstrada, o assento é mais confortável
Embora bem parecido com o da Hypermotard, o assento da Hyperstrada é mais confortável. Com 850 mm de altura, ele é 20 mm mais largo e graças a uma regulador de altura, pode ainda ficar mais baixo 20 mm.
.
Por enquanto a subsidiária brasileira da Ducati ainda não se manifestou sobre a vinda deste modelo ao Brasil, mas talvez o vejamos no Salão Duas Rodas, em outubro.

Fonte: Metzeler Brasil

segunda-feira, 1 de abril de 2013

TRACK T800 CDI, a moto diesel fabricada em série

Motocicleta movida a diesel, marca Track, modelo T-800 CDI
Motocicleta movida a diesel, marca Track, modelo T-800 CDI
A tradição de robustez dos motores a diesel está agora sendo oferecida também em motocicletas. A Track Diesel Motorcycles, pequena empresa holandesa estabelecida na costa oeste da Holanda, especializada na fabricação de motores diesel para uso em fazendas, indústrias e embarcações náuticas, desenvolveu e está fabricando e exportando motocicletas equipadas com motores a diesel, especialmente concebidos para o veículo de duas rodas produzido em sua linha de montagem.
Cores: disponível apenas na versão Black Edition
Cores: disponível apenas na versão Black Edition
A moto da Track é uma bigtrail, muito semelhante à XT 660 da Yamaha, tanto em tamanho como em dirigibilidade, aceitando usos on e off-road. A garantia do fabricante é de dois anos e as peças para locais onde não haja manutenção autorizada são exportadas com rapidez para qualquer lugar do mundo, a partir de uma central de peças baseada na Holanda.
Detalhes da frente e painel bastante despojado
Detalhes da frente e painel bastante despojado
Motor turbo diesel com 3 cilindros em linha
Motor turbo diesel com 3 cilindros em linha
A moto utiliza o câmbio CVT com trocas de correia previstas a cada 25.000 km, em condições normais de uso. A prática de off-road abrevia a vida da correia para períodos de trocas em intervalos indeterminados.
Não é oferecida com freios ABS, nem como opcionais. Só está disponível em um modelo na cor preta; outras cores somente sob encomenda.
O intervalo recomendado pelo fabricante para as revisões periódicas é a cada 15.000 km, sendo que nesse intervalo estão inseridas trocas de óleo e filtros com quilometragem menor, especificadas no manual do proprietário.
A moto consome somente óleo diesel comum, não sendo recomendável o uso de outras variantes como biodiesel ou diesel de alta performance.
Chassi em tubos de aço molibdênio
Chassi em tubos de aço molibdênio
Talvez estejamos presenciando o nascimento de uma nova tecnologia aplicada às motos
Talvez estejamos presenciando o nascimento de uma nova tecnologia aplicada às motos
Ficha técnica:

Preço sugerido pelo fabricante: € 19.500, o que dá R$ 50.393,85 quando convertidos para nossa moeda (utilizado o câmbio do dia 28/3).

Fonte: Moto Online.